Homero Zolli Constelações Sistêmicas

Artigos

Centrados


25/06/2013

Em relação ao nosso sucesso, centrados significa que todas as forças permanecem juntas e direcionadas a uma meta a ser alcançada, sem nos deixarmos deter ou distrair por coisas secundárias. O sucesso vem atrás do desempenho centrado em relação ao essencial.

Nesse sentido juntamos às nossas forças os funcionários e aliados que conquistamos para alcançar nossa meta. Juntamos suas forças e capacidades, direcionando-as a essa meta.

A força centrada gera alegria. O sucesso reluz já nos primeiros passos, estimulando-nos. Através desse centramento o trabalho avança com facilidade, mesmo quando parece ser difícil.

Precisamos conduzir os outros centrados, pois se trata de nosso projeto e sucesso. Isto é, ninguém está a nossa frente, todos estão atrás de nós. Nós conduzimos, os outros seguem. Sem a liderança centrada, as forças individuais se dissolvem e seguem seus próprios caminhos, perdendo de vista a meta em comum. Elas as freiam e ao invés de olhar para frente, olham para si mesmas. Por isso a liderança centrada é simultaneamente rígida. Apenas aqueles que a acompanham, podem ficar.

Esse é o outro lado do centramento. Separa o joio do trigo. Apenas quem está a serviço, marcha junto.

Quem quiser acompanhar centrado dessa forma o caminho das metas, colocando sua força a serviço, também terá sucesso. Nessa tarefa crescerá para além de suas limitações, adquirirá prestigio, será apreciado e requisitado por muitos, ascendendo a postos de liderança, reunindo outros ao seu redor, encabeçando-os.
Centrados, olhamos para frente. Nesse sentido, o centramento nos libera para aquilo que está à nossa frente, sem que nada do passado nos obrigue a voltar para trás.

Todo o criativo está centrado em direção ao sucesso. Centrado, supera tudo o que o aguarda.

O centrado começa no espírito. Está desperto, percebe muitas coisas simultaneamente e capta num estante o passo seguinte a ser dado.

Esse centramento se detém quando muitas coisas se desfazem. Ele espera, sem ceder, até que elas voltem esgotadas e por si mesmas. Ele reúne as forças dispersas se elas estiverem dispostas a voltar, conduzindo-as novamente para a meta, sem olhar para trás, sempre seguindo adiante.
Uma meta que nos promete algo precioso nos atrai. Somente aquelas metas que servem a vida de muitos tem essa força de atração. Portanto, a meta vem ao nosso encontro por si mesma.

Ela nos atrai de tal forma que sabemos que estamos centrados em sua direção, em sintonia com as forças com as quais servimos a essa. Simultaneamente vivenciamos que estamos transcendendo esta meta, ganhando a força decisiva e criativa que nos leva consigo, alegres e felizes para uma vida de sucesso.

Bert Hellinger, do livro: Ordens do Sucesso – êxito na vida êxito na profissão

Homero Zolli Constelações Sistêmicas

© 2018 - Todos os direitos reservados.